Clube das mulheres - 18 anos de existência!

Clube das mulheres  18 anos de existência

Foto Divulgaação

O famoso "Clube das Mulheres", que teve seu auge na década de 1990 com a ajudinha da novela "De Corpo e Alma", da TV Globo, ainda existe em São Paulo e é muito freqüentado. Esse mês, o espaço comemorou 18 anos de existência, em um show especial, com três horas de duração e a participação de ex-dançarinos do local, artistas e modelos.

Já foi o tempo que apenas os homens faziam despedidas de solteiro em shows de striptease. As performances de personagens, como Peão de Boiadeiro, Homem da Manutenção e Sadomasoquista, mexem com as fantasias sexuais da mulherada.

O empresário Focca Barreto, dono do "Clube das Mulheres", conta que a idéia de criar a casa veio de um show que assistiu em Nova York. "Quando eu me mudei para o Brasil, fiz alguns desfiles com modelos mulheres. Percebi que não existia nada só para o público feminino no país e resolvi colocar alguns homens nos desfiles. Deu uma melhorada, mas os homens não gostavam de ver. Então, lembrei do show que assisti em Nova York e montei um em São Paulo, dia 19 de junho de 1990", lembra o empresário.

O auge do "Clube" foi durante a novela global. "85% da novela era passada no ‘Clube’. A produção da trama fotografou e construiu tudo igual. Foi feita uma boate em estúdio do tamanho da minha", conta Focca. Ainda segundo o empresário, a única exigência para emprestar a imagem do "Clube" foi que os dançarinos do folhetim fossem seus próprios strippers. "Pedi que os dançarinos fossem os caras do ‘Clube’, senão como eu ia provar que era nosso? O meu sócio (Marcos Manzano) apresentava o show. Lógico, os dois dançarinos principais eram atores da Globo", explica.

No ápice do sucesso, o "Clube das mulheres" realizou diversos shows pelo Brasil. "Eram 28 shows todo mês", conta Focca Barreto. E foi uma dessas apresentações que a fisioterapeuta Larissa Parussula, de 26 anos, conferiu o show. A performance aconteceu em uma festa na qual as mulheres entravam antes que os homens. "Chamava ‘Ladies First’. As mulheres entravam antes e assistiam a um show de striptease realizado pelo ‘Clube das Mulheres’", conta ela.

De acordo com Larissa, o público começa tímido, mas logo se solta. Basta as luzes apagarem que a gritaria é geral. "Por mais tímida que você seja, acaba se entregando", declara a fisioterapeuta. Mas o show não é feito só pelos homens. O público também participa do espetáculo. "Eu estava na frente e o moço me puxou para o palco. Fiquei lá dançando com ele. Apalpei ele e tudo. Era um personagem árabe. Eu o pedi em casamento, mas ele não aceitou", se diverte.

A lotação da casa é de 150 pessoas e o dono do estabelecimento garante que ela ainda fica cheia. "Nossa casa é pequena, mas os shows sempre têm público. A maior parte é composta por noivas, entre 20 e 25 anos, que trazem amigas, a mãe, sogra, tia. Tem muita despedida de solteira, aniversário e bota-fora. Sem contar quem já foi a algum desses encontros e volta por opção, porque gostou do show", conta Focca.

Clube das Mulheres

Av. Henrique Schaumann, 517 - Pinheiros / São Paulo

Fonte - MBPress

 

Comentários

Quiz de Celebridades!

Quem é mais jovem?

Últimas

Top Temas

casamentoorgasmofeticheorgasmo femininoclitóristraiçãoprazeransiedadesexo analquadrinhos eróticosswingpompoarismovibradorfantasias sexuaissexo oralkama sutraejaculação femininasexo selvagemtabus sexuaisjogos eróticoscenas de amorbeijo gregoposições sexuais50 tons de cinza