Mulheres que assistem filmes pornôs

Mulheres que assistem filmes pornôs

Cenas prá lá de picantes, eróticas, e não tão pornográficas assim. Quando elas escolhem um longa pornô, muitas procuram algo mais sutil, não tão explícito. Por esta razão, aos poucos já se observa algumas produções voltadas para elas, tramas cujo o foco é mostrar o prazer da mulher e a realização das suas fantasias, sem que ela seja tratada com um objeto.

Nos filmes pornôs femininos, a historia é mais elaborada e tem uma leve pitada de romantismo. Produções menos explícitas que as excitam mais. Em entrevista a revista Época, a diretora americana Candida Royalle, pioneira do pornô feminista, afirma que os pornôs comuns não atraem as mulheres porque geralmente eles têm o objetivo de despertar as fantasias dos homens, e não delas.

A designer carioca de 38 anos conhecida como "B" em seu blog "A Vida Secreta" - que aborda assuntos sobre sexualidade; contos eróticos, dicas de livros e o universo do sexo na rede - é fã do cinema europeu, principalmente de Pasolini, Almodóvar, Catherine Breillat, com suas cenas mais picantes. Ela começou a procurar filmes eróticos na internet por acaso, quando adquiriu um computador em 2003.

"Nunca gostei dos pornôs hardcore, por outro lado adorava aqueles pornôs soft feitos para a TV, mais açucarados. Filminhos tipo romance ou drama que tinham cenas apimentadíssimas. Também tenho uma queda doida por filmes europeus, por sempre ter uma cena de sexo explícito e perversão, disfarçado de "filme-cabeça". Passei a buscar alguns longas na rede, mas confesso que ainda hoje existem mais filmes que me desagradam do que agradam", opina.

Também autora de um blog, "J", que participa do "Vida Secreta" e assina canais adultos de TV a cabo, apenas encontrou filmes eróticos para o público feminino há dois anos "antes disso nem fazia ideia que existia".

"Na televisão alguns são bem interessantes, como um das meninas que apresentam histórias enviadas pelo público. Não é explícito demais, não há penetração como nos filmes. Isso é mais erótico porque apenas insinua e simula o ato", diz.

Ainda em relação às produções pornográficas, "J" acrescenta que geralmente nos filmes masculinos a posição do homem é sempre a de predador, "se relaciona com todas as mulheres, geralmente fáceis e safadas". Ela prefere filmes com casais ou menage, com dois homens e uma mulher. "Nada exagerado que não tenha a ver com a minha realidade. Não gosto dos filmes só de mulheres, esses eu nem assisto, não me excito com duas mulheres se beijando ou fazendo sexo", ressalta.

A designer lembra da nova safra de diretoras feministas que estão fugindo do comum (masculinos), como Erica Lust. "Já assisti alguns e gostei". Assim como "J", ela acha que nas produções masculinas as mulheres sempre são as que estão dispostas a realizar as fantasias. "Em filmes voltados ao mercado feminino, o que tenho percebido é uma necessidade de uma história que leve ao sexo e não uma pitada de sexo sem sentido".

Mas ao contrário de "J", ela gosta sim de assistir casais homossexuais (homens e mulheres) nos enredos. "É o meu gosto pessoal. Em uma produção dispenso closes ginecológicos, o resto todo me diverte", diz sem pudores.

As duas também discordam em alguns pontos sobre filmes pornôs femininos. Para "J", eles são mais sutis em relação à pornografia, e apostam em personagens inteligentes, mulheres decididas e sensuais, não tão submissas "Eles atraem pela história e não aquela atuação caricata", comenta.


"Mulheres gostam de pornografia sim, mas nem todas curtem o que está rolando por ai. Por isso o mercado está se estabelecendo e crescendo cada vez mais. Sinceramente não sei ainda se o pornô voltado para mulheres agrada a todas, mas certamente levar o tema à discussão já é um passo enorme", finaliza.

Por Juliana Lopes

 

Comentários

Quiz de Celebridades!

Quem é mais jovem?

Últimas

Top Temas

casamentoorgasmofeticheorgasmo femininoclitórisprazeransiedadesexo analquadrinhos eróticosswingpompoarismovibradorfantasias sexuaissexo oralkama sutraejaculação femininasexo selvagemtabus sexuaisjogos eróticoscenas de amorbeijo gregoposições sexuais50 tons de cinza