Troque o papel de parede por tecidos

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+

Troque o papel de parede por tecidos

Foto: Divulgação Döhler.

Dar uma renovada na casa não significa apenas trocar os móveis ou passar uma nova mão de tinta. Uma proposta diferenciada é decorar as paredes de cômodos como banheiro, quarto, cozinha e sala com tecidos. A imensa variedade de estampas e texturas pode deixar a casa ainda mais bonita e aconchegante.

Mas nem todos os tecidos que se usa para confecção de roupas pode migrar para as paredes. "Normalmente, o 100% algodão é o ideal, mas também é possível usar tecidos com um pouco de poliéster. Hoje, a tendência indica tecidos rústicos, como linho, que ficam lindos, mesmo não tendo estampa", comenta Elisabeth Döhler, gerente de Desenvolvimento de Produtos da Döhler S/A.

Na hora de escolher as estampas certas, Elisabeth diz que o morador pode combiná-las com as cores já existentes no ambiente ou montar algo totalmente novo. Um cuidado que se deve ter é ao misturar florais e outras estampas, para não ficar poluído demais. Além disso, é preciso definir que cara o ambiente deve ter.

"O espaço pode se tornar romântico (estampas florais), clássico (arabescos e listrados), vanguardista (figuras geométricas) ou eclético (mistura de tecidos, por exemplo, um patchwork).

O preço da decoração varia de acordo com o tipo e gramatura do tecido", diz a gerente.

Os tecidos são comumente usados em quartos, salas, hall de entrada e copa. Em área de banheiros, restringe-se a lavabos. É importante ressaltar também que, apesar de o tecido ter grande resistência, a durabilidade do mesmo vai depender do estado da parede onde se aplica. "Caso haja alguma infiltração, é preciso primeiro resolver a questão, pois a umidade da parede passa para o tecido", alerta Elisabeth.

Assim como o papel de parede, o morador pode dispensar a ajuda de um profissional para fazer a aplicação. "Esse é um lado positivo, pois resgata a intimidade do morador com a residência. Isto está virando tendência, uma vez que as pessoas passam muito tempo fora de casa e quando voltam precisam encontrar seu espaço aconchegante", comenta a gerente da Döhler S/A.

A colocação do tecido é simples, basta usar cola branca ou cola de contato. E a gerente avisa: "É uma tarefa para duas pessoas, pois é preciso esticar bem o pano e passar uma espátula já aplicando o tecido desta forma, evitando as bolhas. Se ocorrer, basta fazer um orifício com agulha e liberar o ar". As precauções com o tecido são as mesmas adotadas quando usamos cortinas nas janelas e a limpeza deve ser feita mensalmente com aspirador de pó. Somente os emborrachados necessitam de água.


Elisabeth aproveita para dar uma dica, caso seja necessário fazer alguma emenda: "Encaixe as estampas sobrepondo as mesmas em um ou dois centímetros para cada lado. Depois passe o estilete, cortando os dois tecidos de uma só vez e retirando as aparas."

Este tipo de decoração não é indicado para pessoas com rinite, mas os tecidos emborrachados apresentam menos problemas. O pano pode também ser resistente à água e à sujeira. Para isso, basta aplicar impermeabilizante ou fazer um processo mais caseiro: cola branca e depois verniz. E se a ideia for proporcionar isolamento acústico, é só colar o tecido na parede com uma camada fina de espuma.

Por Juliana Falcão (MBPress)

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+
 

Comentários

Quiz de Celebridades!

Quem é mais jovem?

Últimas

Top Temas

alimentaçãomassagemcelulitedrenagem linfáticaemagrecermusculaçãovarizestpmperder pesomenstruaçãoosteoporosedepressãotriglicéridesalongamentoansiedadehpvdietacolesterolacneabortocâncer de mamagranolaautoestimaleg presssibutraminadieta detoxzumbasuco detoxdieta ravenna