Aftas - Saiba como preveni-las

queijo previne aparecimento de afltas

Algumas pessoas sofrem com o aparecimento freqüente de aftas e sentem dificuldades em morder, mastigar e até engolir. Embora estas desconfortáveis feridinhas apareçam por diversos fatores, como alterações hormonais, estresse, trauma, alergia a alimentos e alterações imunológicas, um dos principais agentes que levam ao surgimento de aftas é o déficit nutricional, especialmente de algumas vitaminas.

As aftas são pequenas bolinhas que contêm um líquido claro, que logo se arrebentam, formando pequenas feridas dolorosas. Também conhecida como estomatite aftosa, as aftas aparecem como manchas brancas ou amareladas na mucosa da boca, gengivas, lábios e língua, causando dor e desconforto na hora de nos alimentamos. Este problema pode durar um dia, uma semana ou até meses em casos mais graves.

Se você sofre deste problema, ou pretende evitá-lo, a boa notícia é que este mal pode ser prevenido através da sua alimentação.

Prevenção através das vitaminas

As vitaminas chamadas riboflavinas ou vitaminas B2 são responsáveis por prevenir o aparecimento de aftas e de queiloses (fissuras nos lábios). Embora a vitamina B2 esteja presente em alguns tecidos do corpo, como fígado e rins, ela não é armazenada de forma marcante. Há também, microorganismos presentes no intestino que conseguem produzi-la, mas em quantidades insuficientes.

A principal fonte de vitamina B2 que organismo consegue aproveitar vem dos alimentos. Assim, quando a alimentação é pouco variada e está deficiente desta vitamina, podem aparecer as indesejáveis aftas nos lábios, na gengiva e no céu da boca.

Embora grande parte dos alimentos contenha vitamina B2 na composição, as quantidades são muito pequenas. Então, para garantir que você está ingerindo esta vitamina em dose suficiente, é necessário que a sua alimentação contenha:

  • Leite (fresco ou em pó);
  • Queijos - especialmente ricota, requeijão e cheddar;
  • Iogurtes, carnes magras, ovos e vegetais verdes.

Vísceras de animais, como fígado e rins, também têm boas reservas desta vitamina, mas, como são ricos em gordura saturada e colesterol, devem ser consumidos com moderação.

A recomendação diária de vitamina B2 é de 1,2 mg; para você ter uma idéia, esta quantidade pode ser obtida, por exemplo, com a combinação dos seguintes alimentos: 1 xícara (chá) de leite, 1 pote de iogurte de frutas e ½ xícara de espinafre cozido em um mesmo dia. Assim, ela é facilmente atingida.

Como a natureza está a nosso favor, não só a vitamina B2 pode ajudar no combate às aftas, mas a vitamina C também é uma aliada. Mesmo não tendo a capacidade de curar as aftas, esta vitamina pode prevenir o aparecimento do problema, já que ela estimula o sistema imunológico e promove uma maior resistência às infecções. Além disso, ela auxilia no processo de cicatrização de feridas e sangramentos de gengivas.

Para que a vitamina C não falte na sua alimentação, tenha sempre frutas (goiaba, limão, laranja, acerola, manga, caju, morango), legumes (pimentão, tomate) e vegetais folhosos crus (brócolis, couve-flor, couve), que são as principais fontes desta vitamina, em suas refeições.

 

Comentários

Quiz de Celebridades!

Quem é mais jovem?

Últimas

Top Temas

alimentaçãomassagemcelulitedrenagem linfáticaemagrecermusculaçãovarizestpmperder pesomenstruaçãoosteoporosedepressãotriglicéridesalongamentoansiedadehpvdietacolesterolacneabortocâncer de mamaautoestimaleg presssibutraminadieta detoxzumbasuco detoxdieta ravenna