Como saber quando a menopausa está a caminho

Qua, 03/11/2010 - 05h00

Como saber quando a menopausa está a caminho

O nome menopausa define, especificamente, a última menstruação antes de cada mulher ficar um ano sem menstruar. A partir daí, se entra numa nova fase da vida, o período não reprodutivo.

Publicidade

Fosse simples assim, tudo bem. Mas o corpo passa por várias mudanças e muita gente sofre com sintomas incômodos, que costumam começar antes mesmo da menopausa em si, no chamado climatério.

O climatério é o período que antecede a última menstruação espontânea da mulher. "Ele pode durar três meses ou até anos, com sintomas desagradáveis como onda de calor, sudorese, cefaleia, etc", afirma Sérgio Gonçalves, ginecologista e obstetra com Especialização em Reprodução Humana do CRH Monteleone e do Centro de Reprodução Humana Governador Mário Covas, vinculado ao Hospital das Clínicas.

Os sintomas podem significar o início do climatério, porém, normalmente, os primeiros sinais de que algo está mudando são observados no ciclo menstrual: a menstruação pode começar a falhar ou até vir duas vezes no mesmo mês. Então, o melhor a fazer é observar de quatro a seis ciclos. "Se ficarem irregulares, a paciente deve procurar um médico. Ela vai perceber também aumento no tempo sem menstruar, ou seja, alteração no padrão", orienta o ginecologista.

Após procurar um especialista, a paciente irá fazer alguns exames - como a ultrassonografia, por exemplo -, que podem confirmar ou não a chegada da menopausa. "Numa mulher jovem, o ultrassom mostra vários folículos dentro dos ovários. Quanto mais folículos, melhor a reserva ovariana. Se no ultrassom o ovário tem aspecto liso, homogêneo, isso significa que a reserva está diminuída", explica o médico.

Mas, quem está curiosa demais e já sente algum desconforto - calores, transpirações, ressecamento da pele, dores de cabeça e por aí vai - pode fazer um teste em casa mesmo. "Hoje em dia existem autotestes que detectam a alteração do Hormônio Folículo Estimulante (FSH), que é um indicativo do início da menopausa" diz Carolina Ynterian, mestre em bioquímica e diretora da empresa Analitic. Lembrando que esse teste deve ser feito no período certo do ciclo menstrual. "Se for realizado perto da ovulação, ele pode mostrar altos índices de FSH e passar informação errada à mulher", fala Sérgio. Então, o produto não deve ser usado para substituir exames clínicos.

Menopausa precoce
Em geral, as mulheres entram no climatério por volta dos 45 a 50 anos. Mas algumas podem passar por essa fase antes dos 40: é a chamada menopausa precoce. Ela pode ser causada por diversos fatores, como histórico familiar; existência de doenças auto-imunes que podem produzir anticorpos que atacam os ovários e levam à insuficiência ovariana; quimioterapia; cirurgias em que é necessário retirar grande porção dos ovários.

Nesses casos, algumas medidas podem ser tomadas. "Se uma mulher entra precocemente na menopausa e sofre os efeitos da baixa do estrogênio (dores de cabeça, calores, etc.), precisa fazer reposição hormonal. Ela pode ser indicada em função dos sintomas", conta o ginecologista.

Agora, quando a paciente já tem entre 50 e 54 anos, é mais difícil um médico prescrever reposição hormonal para ela. Acontece que nessa faixa de idade a maioria das mulheres está na chamada fase pós-menopausa (quando ela já está há mais de um ano sem menstruar). Como os níveis de estrogênio estão baixos, aumentam os riscos de males como doenças cardiovasculares e osteoporose.

Para diminuir o desconforto nesses casos, a tendência é utilizar medicamentos fitoterápicos. No entanto, tudo varia de caso para caso. "A pergunta médica que vai decidir o que fazer é quantos anos a mulher ainda vai viver com estrogênio baixo. Se forem muitos, a reposição pode ser indicada", afirma Sérgio.

Independente da situação, todas as mulheres podem sim lidar melhor com a chegada da menopausa. O segredo é encarar esse período com calma e paciência, além de conhecer os sintomas. "Com o aumento da longevidade, temos chance de viver mais anos sem a menstruação do que com ela. Por isso, acredito que quanto mais informação se possa obter sobre os possíveis sintomas, assim como das melhores alternativas para conviver com eles, melhor nos adaptaremos a esta nova fase que, como todas as fases da vida, tem seus mistérios e encantos", finaliza Carolina.

Por Priscilla Nery (MBPress)

14 comentários no Vilaclub

Comente!
kelly kelly
Seg, 07/07/2014 - 20h19 - reportar abuso

Tenho 37 anos,minha mestruação sempre foi de 21 dias,mas nos últimos meses ela tem vindo mais de duas vzs,com um fluxo maior e durando de 8 à 12 dias,variando de mês em mês.Tenho tido muita dor de cabeça,muito cansada,com perda de memória.Já fiz ultrasonografia,exames de sangue,mas nada é detectado.Estou preocupada! Por favor,me ajudem!

responder ao comentário
marcia marcia
Ter, 04/03/2014 - 21h51 - reportar abuso

Eu tenho 44 anos este ano faço 45 e menstrou sempre certo, sempre fico três dias so agora faz uma semana que não para minha mestrução tb ultimamente ando muita dor de cabeça isso não tinha tb...que pode ser??

responder ao comentário
Dr. Fisher Dr. Fisher
Ter, 21/01/2014 - 10h19 - reportar abuso

A partir dos 25 anos de idade os estrógenos na mulher começam a declinar naturalmente. A menopausa começa entre os 40 a 45 anos, porém, há muitos registros dos sintomas nas mulheres a partir dos 38 anos de idade. A cor da pele, os cabelos opacos, aparecimento de cabelos brancos, irritabilidade de maneira fácil, perda de massa muscular com ganho de gordura adiposa, umidade vaginal baixa, aumento de algumas taxas no sangue, sono em excesso, dores de cabeça, pele áspera, fluxo com muito sangramento e pouco sangramento alternados. Essas são algumas características dessa nova era na mulher. A dieta balanceada pode retardar esses sintomas junto com atividades físicas periódicas.

responder ao comentário
Ligia Quirino Ligia Quirino
Sex, 17/01/2014 - 21h06 - reportar abuso

Menstruo desde os 14 anos,fiz 52 agora 12.01.14,faz dois anos que meu fluxo aumentou bastante mas só menstruava três dias.Só que neste mês foi 8 dias e bem intenso, inclusive com grdes coágulos,tendo que levantar à noite unas 8 vezes.Gostaria de saber se já estou na fase de menopausa.

responder ao comentário
Rita de Cássia Rita de Cássia
Sex, 08/11/2013 - 18h55 - reportar abuso

Estou com 43 anos e minha menstruação vem 1 mês e falha outro mês,sinto muito calor,e tenho a pele muito oleosa.Isso já e sinal de Menopausa.

responder ao comentário
Raiza Eufrasio Raiza Eufrasio
Ter, 13/08/2013 - 13h13 - reportar abuso

Estou com53 anos e alguns meses percebi diferença na minha menstruação, so que neste mês de agosto aconteceu um caso estranho, tive relação com meu namorado, dois dias depois comecei a ter corrimento que não tinha, 4 dias depois veio a menstruação que parecia uma torneira, de tanto que descia, durou 6 dias, e tinha um cheiro estranho, cheguei a pensar em ir no pronto socorro mas não fui, agora acabou a menstruação, ficou uma sugeira com um cheiro estranho, o que devo fazer, já tinha passado no Ginecologista que me pediu vários exames e tenho que fazer, mas so vou retornar no medico em Outubro, me ajudem.

responder ao comentário
Rita de Cássia Rita de Cássia
Dom, 09/06/2013 - 18h28 - reportar abuso

olá tenho 43 anos e no mês de maio ñ menstruei,fui a ginecologista e ela me falou q estou entrando na menopausa quantas vzs a menstruação pode falhar até se chegar a menopausa.

responder ao comentário
erineia erineia
Sex, 26/04/2013 - 17h56 - reportar abuso

tenho 46,e minha mestruçao nao veio neste mes,pois era pra vir dia 11.14.2013,sera que estou entrando na menopalsa.

responder ao comentário
silvia silvia
Qua, 18/04/2012 - 14h26 - reportar abuso

tenho34 anos e desde março nao mestruo comomja tenho3 filhos meu primeiro pensamento foi to gravida,mas o exame de sangue deu negativo jafaz + ou -1 ano que venho sentindo os sintomas calores,suor demis,dores de cabeça ,aumentode peso,falta de apetite sexual,estres,agora vou fazer uma trans vaginal.seria possivel na minha idade estar na menopausa

responder ao comentário
CLAUDIA PACHECO CLAUDIA PACHECO
Seg, 02/05/2011 - 10h14 - reportar abuso

Prezados Senhores:

Não existe qualquer prazer, bem estar ou seja lá o que for de bom, ligado à menopausa.
É como mergulhar no inferno....
São os piores sintomas que já experimentei na vida. Sono, cansaço, falta de memória, irritação....
Minha vida pessoal, profissional e financeira foi devastada.....
A falta de informação e o despreparo dos profissionais da área de saúde nos levam ao fundo do poço, infelizmente.....

responder ao comentário
Veja mais comentários

Especiais Vila Mulher

VILACLUB - O conteúdo da rede do Vila Mulher

Top Temas

50 tons de cinza beyoncé 50 tons de cinza cortes de cabelo emagrecer posições sexuais
X
Ansiedade tem cura?
Ansiedade tem cura? Veja aqui por vilamulher